Relato de Parto da Jacinta – Nascimento da Sophie

Mãe: Jacinta Rn: Sophie Dpp: 26/08 Data de nascimento: 31/08
Doula na Gestação: Priscila
Doula no Parto: Yohanna
Cesárea
Local: Maternidade Brasília
Tive uma gestação, super saudável, e me programei toda pro parto normal, cheguei até 40semanas e 5dias, não tive nem contração de treinamento efetiva, nada nem uma dor. Durante a gravidez minha bb deu indícios que seria pequena, na primeira morfológica percentil 35, depois quando fiz o doppler com 29 semanas ela estava no percentil 10, nesse dia chorei demais bateu o medo de minha bb ter restrição de crescimento então um médico amigo que é obstetra me deu todo apoio e suporte, daí já chateada com meu atual obstetra que queria abraçar o mundo com pernas e não dava atenção suficiente, resolvi acompanhar com meu amigo que se disponibilizou 24h para mim, e ainda disse que faria meu parto, detalhe ele nem atendia meu plano, foi um presente, as minhas consultas passaram a ser no alto risco do serviço público onde ele atende, ele sugeriu acompanhar com o doppler quinzenal para monitorar o crescimento da pequena, e assim fizemos.

Ela sempre se manteve no percentil 10, mas no último doppler mostrou que a placenta não tava funcionando 100% e que ela tava perdendo peso. Daí tanto a ultrassonografista quanto meu médico achou melhor intervir com uma Cesariana, ainda questionei sobre a indução e ele me falou que como amigo e profissional não concordava pois o uso de indutores era muito arriscado pra bb, se fosse o caso a outra opção seria esperar em trabalho de parto natural, acharia arriscado pois bb pequenos descompensam rápido na via de parto e a monitorização precisava ser contínua, mas que existia essa possibilidade de eu esperar entrar em trabalho de parto sabendo dos riscos. Para ele eram duas opções esperar o TP acontecer naturalmente não descartando a possibilidade de riscos principalmente pro bb ou intervir com uma Cesariana.
Como já estava consumida de ansiedade e tinha meus medos quando foi lançada idéia não tive uma boa aceitação fiquei frustada, pq fiz tudo certinho pra parir normal fiz fisioterapia pélvica (já estava expulsando 26cm com epi-no) só engordei 7kg a gravidez toda, contratei uma equipe maravilhosa de doulas, para conseguir meu tão sonhado parto normal, mas Deus que sabe de todas as coisas me direcionou para uma Cesárea, que foi boa, meu médico fez um trabalho perfeito uma marquinha bem discreta, meu pós operatório foi sensacional, recuperação maravilhosa.

E minha princesa nasceu com Apgar de 9/10, linda. Lógico que algumas coisas do plano de parto não foram atendidos, mas minha doula foi essencial para que minha bb nascesse com uma trilha sonora maravilhosa que eu tinha escolhido a play list com música clássica que passei a gestação toda colocando pra ela ouvir na barriga e quando chegasse nesse mundo não se assustasse tanto, na hora do nascimento lembro bem que tava tocando chopin, meu marido emocionado (hoje não consegue nem ouvir a música que se emociona).

Minha doula me ajudou lembrar que tive o clampeamento tardio do cordão, o anestesista baixou o campo na hora do nascimento da Sophie, a pediatra tb foi bem legal, colocou ela próximo de mim uns 15 minutinhos com o rostinho colado no meu o cheirinho de vida que até hoje eu sinto.

Os cuidados foram bem ali do lado, meu marido e minha doula estavam sempre perto de mim e da bb, tudo era perguntado, estava um clima bem legal. Foi lindo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.